Conferências IF Farroupilha, Congresso e Seminário Mobrec 2018

Tamanho da fonte: 
VINCULO E CUIDADO: CONDUTORES INDISPENSÁVEIS ÀS PRÁTICAS SOCIOEDUCATIVAS
sara peres dornelles almeida

Prédio: Clube Dores
Sala: Eixo I - 1d - Salão Nobre
Data: 07-06-2018 01:30  – 05:30
Última alteração: 03-06-2018

Resumo


Resumo: O envolvimento de adolescentes com a prática de atos infracionais é um problema complexo e acarreta consequências nefastas tanto aos diretamente envolvidos, autores e vítimas, quanto aos familiares e comunidade mais ampla. No Brasil, a socioeducação é a resposta prevista para os casos de adolescentes que cometem atos infracionais, a qual tem sido considerada como um tipo de educação social, cujo propósito é preparar pessoas (crianças, adolescentes e adultos) para o convívio social, colocando-os a salvo de toda forma de negligência, discriminação, exploração, violência, crueldade e opressão, seja como vítima ou como autores destas práticas. Propor ações que demandem ao adolescente refletir sobre suas vivências e práticas infracionais, dependem de alguns fatores, com os quais interferem na ampliação da atuação dos profissionais e rede de apoio dos sujeitos que promovem práticas socioeducativas. A construção de vinculo e promoção de cuidado com estes jovens pode funcionar como instrumento potente na construção de perspectivas para o futuro do adolescente autor de ato infracional.


É necessário inscrever-se na conferência para visualizar os documentos.